Como o pequeno empresário deve enfrentar a crise provocada pelo novo Coronavírus


foto de vírus em forma de bolas

Estou sumida daqui, não é verdade? Apesar de muitos negócios estarem fechados e parados, algumas empresas estão investindo pesado no meio digital e elas estão certas. Para atender algumas demandas a mais dessas empresas, precisei me afastar um pouco do blog. No entanto, vamos ao que interessa: hoje vou falar como o pequeno empresário deve enfrentar a crise provocada pelo novo Coronavírus.

É fato que a crise econômica provocada por essa pandemia tem causado enormes prejuízos à economia global e atingido a saúde das empresas, que se vêem diante de uma queda de volume de vendas. No entanto, nem tudo está perdido, pois o Sebrae nacional desenvolve ações para atender cada um dos segmentos atingidos.

Para o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas, a crise pode ser uma oportunidade para se criar soluções inovadoras que contribuem com o desenvolvimento e a profissionalização do negócio.
Mas como enfrentar essa crise? Veja algumas sugestões para você implantar na sua empresa:

Use as mídias sociais

Mais do que nunca, você deve usar as mídias sociais. Aproveita que o cliente se retraiu e está em casa. Você que é dono de um pequeno negócio, deve usar as ferramentas digitais para chegar até o seu público. Essa é uma solução rápida e que não tem praticamente custo algum. Basta você criar perfis da sua empresa nas principais mídias que são Instagram e Facebook.

Tenha um aplicativo Delivery

Você que é prestador de serviço ou que tem um negócio de alimentação fora do lar pode ser o primeiro a sofrer com a ausência de clientes. Neste caso, é preciso se adequar as taxas cobradas pelos aplicativos Delivery. Em se tratando do segmento de alimentação, muitos bares e restaurantes aderiram a esses aplicativos que se tornaram uma necessidade no momento da crise provocada pelo novo Coronavírus. Se você ainda não pensou nessa estratégia, é hora de rever seus conceitos.

Invista em plataformas de vendas online


O pequeno empresário pode enfrentar a crise provocada pelo novo Coronavírus com ferramentas de vendas. Por isso, invista em plataformas de vendas online. Avalie cada uma delas e veja quais atendem às suas necessidades. Uma dica para negócio físico é você investir nos marketplaces do Facebook.

Avalie seus custos

Outra dica importante para o pequeno empresário enfrentar a crise provocada pelo novo Coronavírus é conhecer profundamente os custos da empresa e avaliar quais os que são imprescindíveis para manter o seu negócio funcionando. Em um contexto de queda do faturamento, ele precisa priorizar aqueles que realmente devem ser cortados ou reduzidos.

Negocie com seus fornecedores

Se o seu faturamento cai, você precisa negociar com seus fornecedores. A melhor maneira de fazer isso é cumprir com seus compromissos. Essa negociação pode trazer o fôlego necessário para manter em dia os gastos e as despesas que não podem ser adiados.

Como você pode ver, nem tudo está perdido. Há várias maneiras de você, pequeno empresário, enfrentar a crise provocada pelo novo Coronavírus. No entanto, a ordem agora é colocar o pé no chão, pensar na melhor estratégia e aplicar.

E se você precisar de ajuda para desenvolver estratégias para o seu negócio, entre em contato comigo. Tenho mentoria sobre Google Meu Negócio e Instagram para te oferecer!


Você Pode Gostar Deste Artigo

0 comentários